Banner

Banner

Total de visualizações de página

4 de abril de 2009

Simplicidade


Lídia Regina














Na minha simplicidade eu quis ser tudo
Ou ser um pouco deste tudo
Eu quis ser o mar na sua plenitude
Ou apenas uma gota
Eu quis ser o sol na sua magnitude
Ou ser apenas o calor
Eu quis ser um poeta
Ou ser apenas um soneto
Mas se eu não puder ser os teus olhos
Quero ameno ser notado por eles
Se eu não puder sonhar com teu rosto
Quero ameno estar em teus pensamentos
Na minha simplicidade eu quis ser um quadro
Ou ser parte desta obra pintada
Mas se eu não puder ser a paisagem
Quero ao menos ser as cores
Para que quando olhares
Possa ser lembrado
Até que o tempo passe
E apague lentamente os sentimentos
Na minha simplicidade eu quis ser você
Ou ser parte de você
Mas se eu não puder ser você
Quero ameno ser teu filho
Mas na tua simplicidade é que descobri
Que eras minha mãe.

“Homenagem a Lídia Regina Soares Zacarelli”

Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli
Outubro de 1991 no dia 24.