Banner

Banner

Total de visualizações de página

4 de abril de 2009

Pra Nunca mais Esquecer que foi Minha

Natália Feijó e Bruna Villarim
















Um sofrer tão singular e meu
Quando a música me visita
Não é o teu gênero, mas lembra você
A controvérsia da opinião
As coisas não têm que ser do meu jeito
Onde anda você?
Pra discordar, pra ignorar, pra amar...
Eu aprendi que o mundo
É tão meu quanto seu
Eu estou aqui, mas não vejo você
O tempo parece correr
Mais que o pensamento;
Então vou te esquecendo
A verdade é que estás em mim
Por que não sei mais viver só
O calor do sol não me engana
Quando tenta me aquecer
Nem a fragrância das flores
Ludibria-me com teu cheiro
Desviam-se os olhares a mim
Só posso ver você
Em cada rosto e timbre de voz
Ouço você me chamando
Pra voltar, pra ignorar e amar...
Mas não estou mais aqui
Com você eu aprendi a me descobrir
Como homem que sou
Não posso mais voltar atrás
Retornar, me fará refém do passado!
E sofrer duas vezes.

Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli
Village, Janeiro de 2009 no dia 31.