Banner

Banner

Total de visualizações de página

7 de setembro de 2009

Sem Manchas

Marcelo H. Zacarelli














A sensatez do teu espírito jovem
Toma como logradouro o meu coração
A sensibilidade da tua alma
Empobrece meu orgulho
E acrescenta meu gostar
Por tudo isso
Meus olhos te procuram
E o brilho do teu rosto me acompanha;
Feito luz mercúrio
No infravermelho do meu coração,
Inflama e reclama
A milhas de distância de você;
A testemunha do teu olhar
Feito esmeraldas estonteantes
Faz pela manhã
O sol despir-se no vermelho
E ao entardecer
Mergulhar na timidez do azul quase negro...
No soar do timbre da tua voz
Dançar feito bailarinas ao vento
Pétalas de rosas
Cuspidas a vala do meu coração;
Quando os espinhos
Cravam-me e me sangra por um momento
Posso provar da tua lágrima
Extraída pelo caule da tua alma
Encontrar a cura para este corpo doente
Então poderei levantar e te amar sem manchas.


Pelo autor Marcelo Henrique Zacarelli
Village, Setembro de 2009, no dia 01.