Banner

Banner

Total de visualizações de página

30 de agosto de 2008

RUAS DE OUTONO



Singelas ruas de outono
Cor cinzenta de um céu não azul
Folhas secas de sorriso tristonho
Se perdem na pele do teu corpo nu
Marcas na calçada
Do vento que passou
Castanho dos teus olhos
Que meu lábio se afogou
Em um pranto triste e sofrido
Sigo sozinho o caminho esquecido
Buscando encontrar
Nas ruas de outono
As folhas secas
A me acompanhar .


Escrito por zacarelli 04/junho/2000

Itaquaquecetuba ( sp )